Menu
Seções
Uso de cotonetes é contraindicado para realizar limpeza interna dos ouvidos, diz médica
5 de novembro de 2013 Creche “Isabel a Redentora”, Teresópolis, RJ
cotonete-Ocean_Corbis-300x213

                          Reprodução Web


 


Você sabia que limpar os ouvidos com cotonete pode causar uma série de lesões ao órgão? Além disso, eles podem provocar doenças como otites e infecções na membrana timpânica, chegando até a perfurar o tímpano, em alguns casos. Para a maior parte da população, higienizar a parte interna do ouvido com as hastes flexíveis é um ato corriqueiro. Entretanto, a otorrinolaringologista do Grupo Hospitalar Conceição (RS), Caroline Mello, alerta para os perigos desta ação. “É contraindicado. O cotonete pode machucar e causar lacerações, como otites externas e inflamações. Quando usado internamente, ele pode ajudar a empurrar a cera para o fundo, e essa cera só é removida com uma lavagem feita no consultório”, afirma.

Ao fazer a higienização, muitas vezes o indivíduo tenta retirar a cera do ouvido por completo. Ocorre que essa secreção tem como principal função proteger o órgão. “Ela é produzida por glândulas do canal auditivo mais externo, sendo produzida e expelida normalmente. A cera não deixa que microrganismos nocivos, insetos ou partículas de areia entrem no ouvido e causem dados aos tímpanos. Por isso, é fundamental não retirá-la por completo e nem empurrá-la para o fundo”, orienta a especialista.

Caroline diz ainda que existem maneiras alternativas de retirar o cerúmen, como também é chamada a cera. “Caso a pessoa sinta que está com um excesso de secreção, deve utilizar a ponta da toalha e fazer a limpeza logo após o banho, limpando somente até onde o dedo alcança, sem forçar. Assim, a cera não vai chegar aos tímpanos e evita-se uma serie de lesões”, orienta.

Quando seca ou acumulada, a cera pode causar sintomas desconfortáveis – como coceira e secreção nos ouvidos. Em alguns casos, essa sensação de incômodo pode ser causada por fungos ou por uma inflamação na pele do canal do ouvido, conhecida como dermatite. Nesses casos, um especialista deve ser procurado.

A dermatite causada no ouvido apresenta praticamente os mesmos sintomas da  caspa do couro cabeludo, entretanto a cera é seca, escamosa e abundante. Pessoas diagnosticadas com dermatite melhoram muito o quadro quando diminuem a ingestão de alimentos ricos em gordura, açúcar e sal.


Fonte: Érica Santos / Agência Saúde



 

 

CONTATO

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
*