This is default featured post 1 title

Casa da Mãe Pobre

"Fora da caridade não há salvação, estão encerrados os destinos dos homens, na Terra e no céu; na Terra, porque á sombra desse estandarte eles viverão em paz; no céu, porque os que a houverem praticado acharão graças diante do Senhor".
Saulo de Tarso »

This is default featured post 2 title

Casa da Mãe Pobre

"Fora da caridade não há salvação, estão encerrados os destinos dos homens, na Terra e no céu; na Terra, porque á sombra desse estandarte eles viverão em paz; no céu, porque os que a houverem praticado acharão graças diante do Senhor".
Saulo de Tarso »

This is default featured post 3 title

Casa da Mãe Pobre

"Fora da caridade não há salvação, estão encerrados os destinos dos homens, na Terra e no céu; na Terra, porque á sombra desse estandarte eles viverão em paz; no céu, porque os que a houverem praticado acharão graças diante do Senhor".
Saulo de Tarso »

This is default featured post 4 title

Casa da Mãe Pobre

"Fora da caridade não há salvação, estão encerrados os destinos dos homens, na Terra e no céu; na Terra, porque á sombra desse estandarte eles viverão em paz; no céu, porque os que a houverem praticado acharão graças diante do Senhor".
Saulo de Tarso »

This is default featured post 5 title

Casa da Mãe Pobre

"Fora da caridade não há salvação, estão encerrados os destinos dos homens, na Terra e no céu; na Terra, porque á sombra desse estandarte eles viverão em paz; no céu, porque os que a houverem praticado acharão graças diante do Senhor".
Saulo de Tarso »

O Centro Espírita

Mensagem recebida por Francisco Cândido Xavier no Centro Espírita Dias da Cruz, Caratinga, Minas Gerais


 


Bezerra_de_Menezes-

Reprodução Web
Bezerra de Menezes: Citado no Livro de Henrique Magalhães “Casa da Mãe Pobre 50 anos de amor”

“O conhecimento espírita liberta o homem de superstições e preconceitos, pois é eminentemente racional, e deixa-o livre para pensar e agir.

Entretanto esta liberdade pode ser utilizada plenamente dependendo da hora e lugar.

No Centro Espírita, por exemplo, alguns detalhes devem ser levados em consideração. Segundo aprendemos com os sábios mentores espirituais, para o Centro Espírita se deslocam os Espíritos com acentuado desequilíbrio e outros com o propósito de aprender. Outros doutrinados e aí permanecem para prosseguir no tratamento de reequilíbrio espiritual ou no aprendizado.

Detendo-se aí, Observam-nos os procedimentos, a conversação, os pensamentos…

José Grosso

jose-grosso

Reprodução Web
José Grosso : Citado no Livro de Henrique Magalhães “Casa da Mãe Pobre 50 anos de amor”


 


Espírito de muito sentimento, muito amigo, teve muitas andanças através de vários corpos.
Teve poder e muita autoridade nas mãos, principalmente a partir da Germânia. Contudo, era místico, rígido e disciplinado. Nessa época, José Grosso chamava-se Johannes e desencarnou por volta do ano 751.

Em uma de suas encarnações foi seu irmão consangüíneo o Irmão Palminha (hoje também mentor espiritual da Fraternidade). José Grosso reencarnou-se novamente, na Holanda, como Adido Diplomático. Conviveu com a classe alta holandesa e com a corte de Francisco I – rei da França. Segundo informações da espiritualidade, consta que Jair Soares (diretor mediúnico de núcleo espírita já desencarnado) foi o Rei Francisco I. Com essa informação fica explicada a grande ligação entre os dois. Nesse período, José Grosso conquistou grandes amizades através de suas atividades diplomáticas.

Palminha

Reprodução Web
Palminha : Citado no Livro de Henrique Magalhães “Casa da Mãe Pobre 50 anos de amor”


 


Sobre o Nosso querido Palminha, pedimos a permissão para transcrever o relato do José Grosso, através do amigo Ênio Wendling, na Fraternidade Espírita Irmão Glacus:

Viemos de longe, de passadas eras e vamos falar sobre nosso irmão, chamado carinhosamente Palminha*, simplesmente Palminha. Hoje, nessa altura de sua caminhada espiritual, deseja firmemente desempenhar, como vem fazendo, a tarefa da fraternidade, sob a égide de Jesus. Busquemos reportar marcantes épocas da vida desse querido amigo.

Reafirmamos que viemos de longe. Vislumbramos os tempos dos Vedas. Os grandes templos de Amom. As colunas formidáveis da cidade de Soma (subúrbio de Menphis), sob a areia do deserto no antigo Egito.

Powered by WordPress  |  iCommunity theme by FlexiThemes
Pular para a barra de ferramentas