Loja Maçônica Perfeita União 8 nr 70,  entrega presentes a crianças da Creche Marieta Navarro Gayo

Loja Maçônica Perfeita União 8 nr 70, entrega presentes a crianças da Creche Marieta Navarro Gayo

Por (Eni) Foi com ansiedade que as crianças da creche Marieta Navarro Gayo receberam presentes entregues  pela Loja Maçônica Perfeita União 8 nr 70, que fica situada à Rua Continue lendo >>>

Instituição Maria de Nazareth, Casa da Mãe Pobre recebe visita da MV1

Instituição Maria de Nazareth, Casa da Mãe Pobre recebe visita da MV1

Por (Eni) A Instituição Maria de Nazareth, Casa da Mãe Pobre, esteve movimentada em 29 de novembro passado por uma turma de ilustres visitantes do conceituado Colégio MV1 – Continue lendo >>>

Creche Isabel a Redentora comemora a chega da estação das flores

Creche Isabel a Redentora comemora a chega da estação das flores

Por (Eni) A primavera é uma estação de muita cor, luz,  alegria e prosperidade. As paisagens enchem-se de cores, deixando ruas, campos, parques e jardins com o aspecto alegre Continue lendo >>>

Semana do Folclore na Creche Marieta Navarro Gayo

Semana do Folclore na Creche Marieta Navarro Gayo

Por  (Eni) O nosso país, é dono de uma riqueza cultural incomparável, graças à mistura entre diferentes etnias dos mais variados povos e culturas. O folclore brasileiro é bem Continue lendo >>>

Viva São Pedro e viva São João na Creche Marieta Navarro Gayo

Viva São Pedro e viva São João na Creche Marieta Navarro Gayo

Por (Eni) A festa junina é uma tradição e faz parte da cultura escolar, anima e promove a socialização entre crianças, famílias e professores. Os 75 alunos da creche Marieta Continue lendo >>>

 

Casa da Mãe Pobre revive bailinho antigo de carnaval

“Ó abre alas que eu quero passar” (Chiquinha Gonzaga)

Divulgação: acervo CMP


Por (Eni)


A Instituição Maria de Nazareth abre com chave de ouro as festas de Carnaval de 2017.

O Abre Alas do Carnaval 2017 aconteceu na sede da Instituição Maria de Nazareth, promovido pela Pontual Farmacêutica e a Burbury Multicomunicação no ultimo dia 15 de fevereiro (quarta-feira). Neste “bailinho” de Carnaval da velha guarda, participaram idosos residentes, familiares, funcionários e colaboradores.

Reprodução: Acervo CMP

O intuito é resgatar a atmosfera dos bailes antigos de Carnaval, em que as marchinhas como “Saca Rolha” de Zé da Zilda, Zilda do Zé e Waldir Machado – “Turma do Funil” de Mirabeau, M. de Oliveira e Urgel de Castro – “Me dá um dinheiro aí” de Ivan, Homero e Glauco Ferreira – e “Abre Alas” de Chiquinha Gonzaga entre outras que eram cantadas e encantava a todos.

As marchinhas de carnaval eram obrigatoriedade em todos os salões e no repertório das bandas, na época eram chamados carinhosamente de músicos e as pessoas desfilavam com suas fantasias exibindo uma “produção hollywoodiana” ou simplesmente uma máscara. Os salões eram ambiente familiar e harmonioso, não havia tempo para descanso durante o Carnaval.

“Saudosos tempos que não voltam mais.”

Voltando aos dias atuais, entende-se o porque da existência de inúmeras pessoas saudosas.

Só quem vivenciou o glamour dos bailes de salão onde tudo era brincadeira sem violência e com muito respeito e todos queriam ser estrela, sabe que é impossível voltar ao passado. 

Mesmo assim no nosso bailinho, ao adentramos no salão fizemos de conta que os bons tempos estão de volta. Afinal, saudade não tem idade e aqui todos são protagonistas.

“Desde já agradecemos a iniciativa desses novos parceiros da Instituição Maria de Nazareth – Casa da Mãe Pobreas empresas Pontual Farmacêutica e a Burbury Multicomunicação,  enfatiza Júlio Moreira Diretor Financeiro.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...